PSEX - Garotas de programa da 

Grande Belo Horizonte - acompanhantes vip de BH - 

loiras, morenas, mulatas, ruivas, orientais. etc.

GPGBH - Garotas de programa da 

Grande Belo Horizonte - acompanhantes vip de BH - 

loiras, morenas, mulatas, ruivas, orientais. etc.

GPGBH - Garotas de programa da 

Grande Belo Horizonte - acompanhantes vip de BH - 

loiras, morenas, mulatas, ruivas, orientais. etc.

SEXO PROLONGA A VIDA   (26/12/2015)
Ciência Sexual
Por: João de Freitas Pereira

Quando escrevi o livro A FONTE DA JUVENTUDE, já existia outro com o mesmo título. Mas, ao contrário daquele outro, que receita a abstinência sexual como uma forma de canalizar energia para prolongar a vida, eu afirmei que fazer bastante sexo é um fator de prolongamento da juventude.  Hoje, a Ciência comprova que acertei na minha receita.

 

"O sexo melhora a saúde e prolonga a vida

Sexo e saúde estão relacionados, como é provado por um estudo realizado pela Universidade de Queens, em Belfast, em uma amostra de 1.000 homens de meia-idade ao longo de duas décadas, tem sido mostrado que o sexo melhora a condição do coração, prolonga a vida e melhora a saúde em geral.


Em acompanhamento feito em pessoas, verificou-se que aqueles que tiveram pelo menos dois orgasmos por semana atingiram metade da taxa de mortalidade das que tinham atividade sexual com uma frequência em torno de uma vez por mês.

 

Sexo e Saúde: o que o sexo traz para a nossa saúde?

Sexo aumenta a circulação sanguínea.

Sexo aumenta a circulação de sangue e é especialmente benéfico para o cérebro. Isto é causado pelo aumento da frequência cardíaca e respiração profunda.

O sangue é bombeado por todo o corpo e transporta oxigênio para as células, tecidos e órgãos, de modo que estas acabam saturadas com oxigênio fresco. Produz também uma remoção de toxinas que causam doenças e fadiga.

Sexo ajuda a dormir melhor.

É sabido que a relação sexual ajuda a dormir. Ter um sono reparador tem sido associado com outras coisas boas como a manutenção de um peso saudável e da pressão arterial.

Sexo melhora a saúde cardiovascular

A pesquisa por amostra de 1.000 britânicos descobriu que fazer sexo duas ou mais vezes por semana reduziu o risco de ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral.

Assim foi visto em 50% dos homens que foram acompanhados por 20 anos, em comparação com aqueles que tiveram relações sexuais menos de uma vez por mês.

Sexo reduz o risco de câncer da próstata

A atividade sexual regular elimina secreções nocivas a partir da próstata e também ajuda a proteger esta glândula do câncer. Segundo os pesquisadores, as ejaculações frequentes, especialmente em homens de 20 e poucos anos, ajudam a reduzir o risco de câncer de próstata ao longo da vida.

Sexo promove a longevidade.

Ter um orgasmo provoca a liberação do hormônio DHEA (dehidroepiandrosterona), que funciona como um antidepressivo e melhora os níveis de imunidade no corpo. DHEA pode reparar tecidos, melhorar a cognição e manter a pele saudável.

http://www.saudecuidados.com.br/saude-do-corpo/o-sexo-melhora-a-saude-e-prolonga-a-vida.html

 


Outra matéria, na revista SUPERINTERESSANTE, diz também:

 

"Creme anti-idade que nada. Sexo resolve: rejuvenesce de cinco a sete anos.

Palavra do psicólogo David Week, do Hospital Royal Edinburgh. Por dez anos ele perguntou aos seus pacientes de todas as idades sobre a vida sexual. Quem parecia mais jovem, geralmente, fazia até 50% mais sexo do que os outros – entre o pessoal de 40 a 50 anos, os mais ‘jovens’ transavam, em média, 3 vezes por semana.

É que o sexo desencadeia uma porção de coisas boas no corpo: libera endorfina, substância química que te dá sensação de prazer, e ainda age como um remédio natural contra a dor, diminuindo a ansiedade e facilitando o sono; melhora a circulação sanguínea; pode aumentar a produção de hormônio do crescimento, o que aumenta a elasticidade da pele. “A qualidade do sexo nos adultos mais velhos é um sinal de boa saúde e bem-estar. Além disso, um estudo de 1997 mostrou que o risco de mortalidade diminui 50% nos grupos de homens com alta frequência de orgasmos (no mínimo duas vezes por semana) do que o outro grupo”, explica Week.

http://super.abril.com.br/blogs/cienciamaluca/sexo-deixa-voce-7-anos-<mais-jovem/>

 

Quando comecei a escrever o livro, já tendo lido o outro e não tendo concordado com ele em relação ao sexo, eu não tinha matéria científica respaldando a minha afirmação, mas, pela observação e dedução lógica, eu ousei propor o contrário do que propunha o autor do primeiro livro. Fiz uma pesquisa, consegui encontrar uma matéria que confirmava a minha posição. Hoje está aí mais uma das muitas matérias publicadas nos últimos anos provando que é, não abstendo, mas fazendo muito sexo que podemos aumentar a nossa expectativa de vida.



302 exibições


Avalicações
Excelente: 0
Bom: 0
Regular: 0
Ruim: 0

AVALIE ESSE TEXTO


VEJA OUTROS TEXTOS DESSE AUTOR
RECEBA AVISOS SEMPRE QUANDO ESSE AUTOR PUBLICAR NOVOS TEXTOS, CLIQUE AQUI