POR QUE A VIDA SÓ SURGIU NA TERRA? OU NÃO?   (16/09/2013)
Ciência
Por: João de Freitas Pereira

Um amigo me fez a seguinte pergunta:

"Por que com tantos planetas na via láctea (milhares), ou no universo (bilhões ou mais), só existe vida no planeta Terra?"

Pensei então nos fatores que podem fazer que exista vida só no nosso planeta, embora seja possível ela existir e outros e não ser do nosso conhecimento.

 

Até o presente momento, nenhum indício foi encontrado de vida em outros planetas onde a ciência pode pesquisar.

 

Todavia,

 

Vale lembrar, em primeiro lugar, que a vida pode existir em outros planetas muito distantes, onde nossos meios de observação não alcançam.

 

Depois, devemos levar em consideração também que a formação de vida é algo extremamente demorado e pode ser interrompida por um acidente como choque de asteróide ou cometa.  Quando um cometa se chocou com o planeta Júpiter em 1984, as análises científicas dos efeitos indicaram que, se lá existisse vida, teria sido extinta.

 

FORMAÇÃO DE VIDA

 

Entre os mais de cem elementos químicos que compõem todas as matérias, uns reagem atraindo outros e formam combinações, as quais tendem a atrair mais elementos.

 

Um exemplo é a ferrugem, óxido de ferro.  Se você colocar um pontinho de ferrugem em um objeto de ferro, pode observar que ele vai crescendo constantemente.  Não é um ser vivo, mas se replica em ambiente favorável.

 

Há bilhões de anos, em nosso planeta, uma combinação de seis elementos químicos (carbono (C), hidrogênio (H), nitrogênio (N), oxigênio (O), fósforo (P) e enxofre (S) passou a replicar de forma mais complexa. Pequenas mutações foram se acumulando, chegando a formar seres microscópios animais e vegetais.  Esses seres microscópicos foram evoluindo para outros maiores, vindo a formar moluscos, depois vertebrados, e também vegetais. 

 

Hoje já se descobriu que uma combinação desses elementos, com exceção de um (fósforo, que foi substituído pro arsênio) deu origem a uma nova forma de vida, uma bactéria que existe em um lago nos Estados Unidos.  Até então, só se conheciam vidas derivadas daquela primeira combinação de elementos que começou há bilhões de anos.  Talvez essa bactéria não chegue a dar origem a seres pluricelulares como os hoje existentes; pois o arsênio não é um elemento abundante na natureza terráquea como o fósforo.

 

O início da combinação de elementos químicos para formar a vida, segundo verificaram cientistas como se observou em experimentos de Stanley Miller e de Sidney Fox, dependeu de condições ambientais apropriadas, como abundâncias de determinados elementos e descargas elétricas que os levaram a reagir de forma singular.

 

Com base nessas informações, podemos acreditar que haja em outros planetas elementos químicos e condições ambientais para originar alguma forma de vida.  Talvez existam seres vivos em determinados planetas que sejam formadas de elementos químicos diferentes dos seis que nos compõem, e que em nada pareçam conosco.  Já não temos dúvida de que um escorpião, um polvo,  e um vaga-lume, todos sejam provenientes de um mesmo ser que deu origem a nós. Daí as especulações da ficção científica com seres que emitem luz nas pontas dos dedos, alimentam de coisas que para nós são venenosas, etc.  Só nunca devemos esperar que apareçam aqui seres extraterrestres que falem a nossa língua.

 

No sistema solar, parece que não existe nada de vida em outros planetas, porque uns são muito quentes e outros são muito frios.  Mesmo assim, não sabemos se em condições tão diferentes pode surgir vida.  Aqui na terra existem seres capazes de viver no gelo e também outros adaptados a temperaturas altíssimas em alguns lugares no fundo do mar.

 

Até o momento, nada temos de prova da existência de vida em outros planetas.  Mas ela pode existir.  E, como observam alguns cientistas, a vida pode surgir e ser interrompida por catástrofe planetária.  Só sabemos que o nosso planeta reuniu condições apropriadas, já teve acidentes que eliminaram grande parte das vidas existentes, porém algumas sobreviveram para chegar até nós.



1071 exibições


Avalicações
Excelente: 0
Bom: 0
Regular: 0
Ruim: 0

AVALIE ESSE TEXTO


Você gosta de escrever? Quer um espaço para divulgar suas ideias sem pagar provedor?  Clique em crie sua conta, faça seu cadastro e comece a escrever.  Não lhe custará nada, e você poderá estar contribuindo na defesa de um pensamento.

5 usuário(s) online