O DESRESPEITO AO ESTADO LAICO E O MAL-ESTAR DA POPULAÇÃO   (22/07/2013)
Cartas
Por: Anticristo

A VISTA DO PAPA, O ESTADO LAICO E O MAL-ESTAR DA POPULAÇÃO
(Alexandre Marini)

Papa Francisco visita o Brasil

Um hospital com cerca de 8.500 m² de área construída, com todas as dependências necessárias para atender uma população de 30 mil pessoas, com 159 leitos, sendo 12 para UTI, pronto socorro, triagem, farmácia, lavanderia, ou seja, com toda a estrutura necessária, custaria a preços normais (sem superfaturamento) 14 milhões de reais, já contabilizando os custos com central de ar condicionado, rede elétrica, telefônica, água e esgoto.

Com mais 16 milhões de reais é possível comprar todos os equipamentos hospitalares, incluindo os mais modernos do mercado, como também todas as mobílias necessárias a um hospital.

O custo anual com a mão de obra concursada e terceirizada, incluindo médicos, enfermeiros, anestesistas, seguranças, recepcionistas etc., seriam mais 32 milhões de reais, considerando o salário de mercado. Resumindo, é possível manter um hospital de porte, com equipamentos de ponta por 62 milhões de reais por ano, atendendo cerca de 600 pacientes por dia.

Enquanto isso, a visita do papa Francisco, marcada para este mês de julho, custará aos cofres públicos cerca de R$ 118 milhões, envolvendo verba federal, estadual e municipal. Boa parte dos valores estão relacionados à segurança e bem estar do pontífice e das autoridades que buscarão aparecer ao seu lado, na tentativa de lucrar algum eleitorado para si.

Em suma, quase meio milhão de pessoas (num prazo de um ano) deixarão de ter o benefício de atendimento médico contra seu mal-estar físico em troca de alguns dias de bem-estar de figuras públicas e simbólicas, sejam elas santas ou não.

E tem gente que ainda não entende a importância de um estado laico."

http://tudoouquasenada.wordpress.com/2013/07/06/a-visita-do-papa-o-estado-laico-e-o-mal-estar-da-populacao/

 

"Visita do papa ao Brasil custará R$ 118 milhões para os cofres públicos, diz jornal
Do UOL, em São Paulo

O papa Francisco virá ao Rio e Aparecida (SP) no próximo mês de julho, e isso custará R$ 118 milhões em gastos públicos, incluindo verba federal, estadual e municipal. A contabilidade foi feita pelo jornal "O Globo" e publicada em sua edição deste sábado (11).

Só o governo federal desembolsará R$ 62 milhões, sendo que R$ 30 milhões serão só para as ações de segurança ao redor do sumo pontífice. O efetivo será de 10.700 homens, com a maioria dele sendo das Forças Armadas. A Igreja vai colaborar com a contratação de 2.000 seguranças particulares.

A Prefeitura do Rio e o governo estadual gastarão R$ 28 milhões cada um de seus orçamentos para a vinda papal.

As autoridades justificam o gasto por conta da mobilização popular para o evento --a visita do papa faz parte da 26ª Jornada Mundial da Juventude, que acontece de 23 a 28 de julho no Rio. A expectativa é que dois milhões de peregrinos se desloquem para a cidade.

Entre os gastos estão também as 4 milhões de hóstias que serão distribuídas durante os seis dias da Jornada. Elas serão fabricadas por seis fornecedores em todo o país."

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2013/05/11/visita-do-papa-ao-brasil-custara-r-118-milhoes-para-os-cofres-publicos.htm



1026 exibições


Avalicações
Excelente: 0
Bom: 0
Regular: 0
Ruim: 0

AVALIE ESSE TEXTO


Você gosta de escrever? Quer um espaço para divulgar suas ideias sem pagar provedor?  Clique em crie sua conta, faça seu cadastro e comece a escrever.  Não lhe custará nada, e você poderá estar contribuindo na defesa de um pensamento.

4 usuário(s) online