COBRA DE QUATRO PATAS   (06/09/2015)
Religião
Por: João de Freitas Pereira

Descoberto fóssil da cobra falante do Gênesis!  Depois de enganar a mulher, ela perdeu as patas e a fala. 

 

Fóssil de cobra com 4 patas retoma debate sobre veracidade da Bíblia
Descoberta de paleontóloga reabre discussão sobre a "maldição" de Gênesis 3
por Jarbas Aragão

 

cobra de quatro patas

 

Todas as vezes que os críticos falam sobre a veracidade dos relatos bíblicos, o Livro de Gênesis é quase sempre o mais atacado.

Contudo, uma descoberta revelada pela conceituada revista “Science” nesta semana reascende o debate sobre o quanto se pode aceitar a ideia de uma cobra com patas.

O fóssil de uma nova espécie de cobra que inegavelmente tinha quatro patas e teria vivido no Brasil é a primeira que se tem notícia. Segundo os cientistas, ela viveu na Bacia do Araripe, no Ceará, há cerca de 120 milhões de anos.

O artigo da Science foi assinado por David M. Martill, paleontólogo da Universidade de Portsmouth, no Reino Unido, com a colaboração de Helmut Tischlinger e Nicholas Longrich.

A espécie foi batizada de Tetrapodophis amplectus. “O fóssil faz parte de uma exposição maior de fósseis do período Cretáceo”, disse Martill em um comunicado. “Ficou claro que ninguém tinha apreciado a sua importância, mas quando eu a vi, sabia que era um espécime extremamente significativo.”

Embora fósseis de cobras com pernas tivessem sido encontrados antes, sempre eram duas patas malformadas. Este é o primeiro exemplar de uma cobra com quatro patas funcionais.

Durante centenas de anos, os defensores do criacionismo alegavam que com a maldição o animal sofreu uma mudança em sua estrutura. Agora, parece que essa hipótese não era totalmente sem fundamento. Com informações de National Geographic.

http://noticias.gospelprime.com.br/fossil-cobra-patas-biblia/

 

Agora, os religiosos têm a prova de que seis mil anos atrás a cobra perdeu as patas por ter falado e enganado a primeira mulher! Além de perder os membros, ela perdeu também a capacidade de falar.  Mas ser condenado a se arrastar e comer pó pelo resto da vida é de perder a fala mesmo!

 

Os cálculos bíblicos mostram aproximadamente quatro mil anos da criação do primeiro homem até o início na Era Cristã.   E uma cobra de quatro patas há cento e vinte milhões de anos é agora usada como prova de que seis mil anos atrás a cobra perdeu as patas por ter falado e enganado a primeira mulher!  A existência de quatro membros em todos os animais de maior porte nos indicam que a cobra teve um caminho evolutivo um tanto estranho mesmo.  Cobras e lagartos são parentes. Mas, daí dizer que o homem conviveu com uma cobra quadrúpede há seis mil anos, isso só pode caber na cabeça de religioso.

 

Ver mais SANDICES RELIGIOSAS

 

ÍNDICE SISTEMÁTICO SOBRE RELIGIÃO



377 exibições


Avalicações
Excelente: 0
Bom: 0
Regular: 0
Ruim: 0

AVALIE ESSE TEXTO


Você gosta de escrever? Quer um espaço para divulgar suas ideias sem pagar provedor?  Clique em crie sua conta, faça seu cadastro e comece a escrever.  Não lhe custará nada, e você poderá estar contribuindo na defesa de um pensamento.

3 usuário(s) online