Caçadores e virgens entre as estrelas   (22/08/2015)
Conhecimentos gerais
Por: Perce Polegatto

Na mitologia grega, a ninfa caçadora Calisto atraía a atenção de Zeus, o deus dos deuses. Sua esposa, Hera, naturalmente enciumada, amaldiçoou a jovem, transformando-a em uma ursa. Fácil resolver, não? Apesar disso, Calisto resistiu, esforçando-se para continuar andando ereta, tentando ainda ser uma mulher, mas isso se tornara impossível: por mais que tentasse, ela agora era uma ursa e não conseguia mais falar ou agir como humana. Calisto passou a viver com medo dos deuses e das outras feras, mesmo sendo também uma fera, optando pelo isolamento. Muitos anos depois, reencontrou na floresta seu filho, o caçador Arcas, agora um adulto, e tentou abraçá-lo. Sem saber que se tratava de sua própria mãe, condenada pelos deuses, ele ergueu sua lança para matá-la. Nesse momento, Zeus, compadecido com aquela situação, parou o tempo, afastou um do outro e os colocou no céu, onde foram convertidos em estrelas. Arcas, o filho, transformou-se em Arctofilax, a Ursa Menor, o guardião da ursa. Calisto, desde então, é a magnífica Ursa Maior.



334 exibições


Avalicações
Excelente: 0
Bom: 0
Regular: 0
Ruim: 0

AVALIE ESSE TEXTO


Você gosta de escrever? Quer um espaço para divulgar suas ideias sem pagar provedor?  Clique em crie sua conta, faça seu cadastro e comece a escrever.  Não lhe custará nada, e você poderá estar contribuindo na defesa de um pensamento.

1 usuário(s) online